20080625

ÉVORA - UM ADEUS AO VICENTE CAMBETA

ADEUS GRANDE AMIGO VICENTE. ATÉ UM DIA.

20 comentários:

Anônimo disse...

A VIDA É ASSIM, É COMO UMA VELA AO MENOR SOPRO SE APAGA, DESTA VEZ FOI O MEU IRMÃO VICENTE.

QUE DEUS O TENHA NO SEU REINO.

TÓI

Anônimo disse...

NASCER PARA A VIDA É COISA BELA
MAS TAMBÉM UM SINAL FORTE
É O PRINCIPIO DO FIM DELA
É O INICIO DA MORTE.

TÓI CAMBETA

Carlos Alberto Correia disse...

Com ele se vai um pouco da nossa história. O mesmo é dizer um pouco da nossa vida, mas ficará sempre ligado a recordações, lugares e eventos que a todos nós pertenceram e continuarão vivos enquanto nós também continuarmos.

A-Verdadeira disse...

Vocês sabiam que, quando somos queridos pelos amigos, nunca morremos?
É verdade. Lá, onde ele estiver, vai viver um pouco em cada um de vós.

QUIMBÉ disse...

EU SEI, TODOS NÓS SABEMOS QUE AO NASCERMOS TEMOS UM FIM EM VISTA, A MORTE. O NASCIMENTO É O PRIMEIRO PASSO PARA ESSE FIM. SÓ NÃO É JUSTO QUE NO MEIO DE TUDO ISSO SE TENHA DE SOFRER TANTO. FUI E SOU,
(POIS VAI SEMPRE CONTINUAR COMIGO)AMIGO DE INFANÇIA DO VICENTE CAMBETA E FAMILIA, ACOMPANHEI DE PERTO TODO ESSE SOFRIMENTO, DESDE A PROPRIA EVOLUÇÃO DA VIDA QUE NUNCA É FACIL, ASSISTIU Á MORTE PREMATURA DA FILHA DEIXANDO CINCO CRIANÇAS MENORES EM AGOSTO DE 2007 JÁ NESTA ALTURA O NOSSO AMIGO VICENTE JÁ SE ENCONTRAVA DOENTE E EM DEZ MESES TEVE O SEU FIM NUM GRANDE SOFRIMENTO ATÉ AO SEU ULTIMO SUSPIRO. SINTO-ME REVOLTADO E INDIGRADO E PERGUNTO COMO É POSSIVEL UM HOMEM CRISTÃO TEMENTE A DEUZ TER DE SOFRER COMO TANTOS OUTROS TAMANHO SOFRIMENTO. UM HOMEM BOM BOM PAI BOM AMIGO NÃO MERECIA TANTA DOR. QUE DEVINDADE É ESTA, QUE PAI QUE DEUS É ESTE QUE FAZ SOFRER OS SEUS FILHOS DESTA MANEIRA SEM O MERECEREM!... (QUE DESCANSE EM PAZ)

A-Verdadeira disse...

Senhor Quimbé, partilho da sua opinião.
Tanta gente boa a partir e tanto f* da p* a ficar por aqui a dar-nos cabo do juízo.
Deus, às vezes, faz as coisas muito mal feitas.

QUIMBE disse...

OLÁ VERDADEIRA, OBRIGADO POR COMPATILHAR. EU NÃO CONTESTO A NOSSA EVOLUÇÃO SEI QUE TUDO QUE NASCE, MORRE OU SE TRANSFORMA EM ALGO. É A LEI DA FISICA TAL COMO A CONHECEMOS, O QUE EU PONHO EM CAUSA (E QUE ME DESCULPEM ALGUM INCOMODO OU OFENSA)É SIMPLESMENTE OS ENSINAMENTOS OS VALORES OS IDIAIS QUE SEMPRE NOS TENTARAM EDUCAR E QUE SÃO INCAPAZES DE PROVAR OU EXPLICAR. QUIMBÉ

Anônimo disse...

Conheci o Vicente quando eu era muito jovem (tinha 16 anos e ele foi o meu primeiro amor).
As voltas da vida afastaram-nos e durante muitos anos não tive qualquer notícia dele. Agora, ao tomar conhecimento do seu falecimento, fiquei profundamente chocada e duplamente triste ao saber que aconteceu em grande sofrimento. Era uma pessoa boa e merecia uma vida longa e feliz.
A toda a familia e a todos os seus amigos a minhas sinceras condolências.
Rezarei também por ele.
Que descanse em paz...
Joana

Anônimo disse...

agradeço à joana, como amigo de infância do nosso vicente.
gama

Anônimo disse...

À AMIGA JOANA QUE PROVAVELMENTE ME CONHECERÁ, POIS SOU O TÓI CAMBETA, AGRADEÇO AS SUAS PALAVRAS.

OBRIGADO AMIGA JOANA EU PENSO QUE A CONHEÇO TAMBÉM MAS PODEREI ESTAR ENGANADO, POIS ESTOU AUSENTE DE PORTUGAL FAZ QUASE MEIO SÉCULO.

ANTÓNIO CAMBETA

Anônimo disse...

Não cheguei a conhecer o António, nem os seus irmãos. Eu sou do Alandroal e conheci perfeitamente a sua tia Avelina e alguns dos seus primos, cujo nome não recordo.
Talvez o António tenha ouvido falar de mim, mas não sei. O meu namoro com o Vicente coincidiu com a sua vida militar e com a sua permanência em Moçambique e tal não permitiu uma maior aproximação à familia.
Os meus cumprimentos
Joana

Anônimo disse...

EU CONSEGUI UMA MOÇA CHAMADA JOANA QUE MORA LÁ PARA OS LADOS DA V]BICA DA HORTA, CONEHCI A AUSENDA E A SUA IRMÃ.

O MEU IRMÃO VICENTE BEM COMO O LUIS FORAM CRIADOS NO ALANDROAL EU E A LINITA FOMOS CRIADOS EM ÉVORA, MAS EU COM 17 ANOS DEIXEI ÉVORA E BEM JOVEM SEGUI PARA MACAU ONDE RESIDO, PORÉM NESTE MOMENTO ENCONTRO-ME EM BANGKOK, PODE ENTRAR NOS MEUS BLOGS E FICARÁ A CONHECER-ME MELHOR AMIGA JOANA.
UM ABRAÇO AMIGO

ANTÓNIO MANUEL FONTES CAMBETA

Anônimo disse...

Gostaria de esclarecer que realmente não sou a pessoa que o António refere, pois nunca vivi no sítio que indica. Saí do Alandroal quando tinha apenas 18 anos e depois poucas vezes lá voltei. É certo que não nos conhecemos.
Já conheço os seus blogs e o seu trabalho em poesia. Deduzo que a inspiração para a poesia seja comum à sua familia, pois recordo bonitos poemas que o Vicente também escrevia.
Desejo felicidades para si e para a sua familia e boa sorte nas suas viagens.
Joana

Anônimo disse...

AGRADEÇO A TODOS AS PALAVRAS BONITAS QUE DEDICARAM AO MEU QUERIDO IRMÃO, FAZ HOJE 15 DIAS QUE COMEÇOU A PERMNECER NA SUA MORADA TERNA, A DOR É GRANDE E GORA SÓ RESTA RECORDAR OS MOMENTOS BONS QUE PASSAMOS JUNTOS, ELE ERA UM SENHOR, UM AMIGO E ONDE QUER QUE ESTEJA DECERTO OLHARÁ PELA FAMILIA E PELOS MIGOS QUE FELIZMENTE TINHA MITOS, OBRIGADA A TOS, EU SOU A LINITA, OS AMIGAS DEVEM LEMBRAR-SE DE MIM

Anônimo disse...

AGRADEÇO A TODOS AS PALAVRAS BONITAS QUE DEDICARAM AO MEU QUERIDO IRMÃO, FAZ HOJE 15 DIAS QUE COMEÇOU A PERMNECER NA SUA MORADA TERNA, A DOR É GRANDE E GORA SÓ RESTA RECORDAR OS MOMENTOS BONS QUE PASSAMOS JUNTOS, ELE ERA UM SENHOR, UM AMIGO E ONDE QUER QUE ESTEJA DECERTO OLHARÁ PELA FAMILIA E PELOS MIGOS QUE FELIZMENTE TINHA MITOS, OBRIGADA A TOS, EU SOU A LINITA, OS AMIGAS DEVEM LEMBRAR-SE DE MIM

kira disse...

obrigado linita. um beijinho do
gama

Anônimo disse...

Não há palavras que possam minorar o sofrimento pela perda de um ente querido,no entanto quero expressar à Linita todo o meu sincero pesar pela dor que representa a perda do seu irmão. Ele partiu mas prevalecerá para sempre na memória de todos aqueles que lhe querem bem. Fique certa que nas minhas orações ele irá estar sempre presente.
Com amizade
Joana

Anônimo disse...

AMIGA JOANA O MEU MUITO OBRIGADO PELO SEU CARINHO AMIZADE POR QUELE QUE MEU IRMÃO FOI E CONTINUA SENDO AMADO NO MEU CORAÇÃO.

TÓI CAMBETA

Anônimo disse...

Gama, obrigada pela mensagem que me envias-te, no dia do funeral do meu irmão, é nestes momentos que nós vimos que é bom ter amigos.
A dor é grande, mas os irmãos não morrem, ele permanecerá vivo no meu coração para sempre.
Um beijo
Linita

Anônimo disse...

Boa noite!!! Passados 4 anos e porque a saudade é grande e aumenta a cada dia que passa, é bom fazer uma pesquisa com o nome do meu pai e encontrar estes "pedacinhos" dele:)Já cá tem mais uma netinha, desta vez minha, fez um ano o mês passado e custa não poder partilhar momentos únicos na vida... Tenho a certeza, contudo que esteja onde estiver está muito babosos e orgulhoso dos seus tesouros. Beijinhos, um especial para o Senhor Kira e outro para a Joana, ralhava comigo mas também ele começou a namorar cedo, eheheh :D

Sara Cambeta